Posts Tagged ‘vinhos portugueses’

Folha de São Paulo: Perfumado, Alvarinho

16 de janeiro de 2015
Clique na imagem para ampliar.

Clique na imagem para ampliar.

Ouça: Fim da série sobre vinhos portugueses, diretamente de Tejo

3 de junho de 2013

Fim da série sobre vinhos portugueses, diretamente de Tejo

306533_4223703840482_1090179658_n13

Ouça: Semana de vinhos portugueses começa pela Norte, região dos vinhos verdes

29 de maio de 2013

Semana de vinhos portugueses começa pela Norte, região dos vinhos verdes

306533_4223703840482_1090179658_n13

Um Passeio em Lisboa

31 de maio de 2011

O negócio é o seguinte, aqui em Lisboa. Não tem essa de “dicas imperdíveis” Não tem essa de ser moderninho, não tem essa de guiazinho. A cidade inteira é linda, não tem um lugar onde haja turistas que não haja locais, tudo é misturado, você sempre está em casa e sempre será tratado como todos. A seco. Aqui eles não acham que você tem que ser explorado porque é turista ou tratado melhor. Eles vão te tratar normalmente. E isso é o jeitão português. Como disse: a seco. “Sim”. “Não”. Sem firulas, sem tentar te conquistar, sem ser grosso. Eu tinha pensado fazer uma busca de wine bars, bla bla, mas todo lugar que você entra em Lisboa, tem um carta de vinho decente e você pode se deliciar com coisas que não conhece. Essas fotos aí são no Bairro Alto, na Garrafeira Alfaia (rua Diário de Notícias, 125) e nem sei por que dou o endereço, porque as ruas são tão insanamente pequenas e loucas que se você não achar esta, pode achar outras tão interesantes quanto. Eu tive a sorte de, nesta, ter um garçon super informado e rápido, que indicou vinho legais e foi incrível no serviço

 

alheira, bacalhau, queijo de ovelha, vinho...tudo por 20 poucos euros

Na hora de almoçar, entra em qualquer lugar com o cardápio escrito à mão na porta, e você vai comer bem. Prato principal, saladinha, vinho, sobremesa e café por 6 euros. Olha aí a sardinha.

Em Lisboa, larga o guia e se deixa levar....


%d blogueiros gostam disto: