Harmonização da semana! Lula Provençal com Pinot Nero

by

Lula Provençal

1

Rachel Codreanschi

Desde do início de 2014 no restaurante paulistano Brown Sugar, Rachel Codreanschi, 25 anos, sempre teve influência da comida francesa. A chef é pupila de Erick Jacquin, 48, e passou pelo extinto Le Buteque. Após seis meses na Itália em 2013 conhecendo a gastronomia local, Rachel voltou com novidades e, antes de assumir o Brown Sugar, ainda trabalhou no Attimo. “Trou- xe pratos italianos com toques contemporâneos. Aqui faço minha versão”, explica. Nesta edição, ela escolheu a lula provençal, leve e fácil de fa- zer. “Combina tanto com o verão quanto com o inverno. Não tem muitas calorias por causa dos legumes, é refrescante e tem um toque de curry, levemente apimentado”, diz ela, que também é especialista em culinária judaica. Ainda pequena, ajudava a mãe e a avó na cozinha. “Elas faziam encomendas e eu acabava experimentando”, lembra. Mais tarde, fez intercâmbio em Israel, onde se aprofundou no cardápio judaico.

 

Clique na imagem para ampliar.

Clique na imagem para ampliar.

 

3Esta receita parece comum numa primeira olhada, mas ela é cheia de surpresinhas. A princípio são apenas lulas à la provençal, ou seja, com ervas aromáticas de Provence (alecrim, tomilho, manjericão e outros). Se fosse só isso, seria um tipo determinado de vinho. Mas como nesta receita encontramos também curry e pimentões verdes e vermelhos, além de aspargos, vamos repensar na combinação. Se não houvesse esses últimos elementos, colocaria um branco, com certeza. Mas os pimentões e o curry permitem um tinto levezinho, frutado e com notas de ervas e madeira. Não é nada comum, mas alguns produtores plantam a pinot noir (que gosta de climas frios) lá na Sicília, ilha quente no sul da Itália. Para driblar o clima do verão muito quente e conseguir o resultado de um vinho mais refrescante e perfumado, plantam as vinhas em lugares mais altos, onde há maior ventilação e clima fresco. Nosso vinho vem de lá e tem notas de madeira e temperos, assim como um leve toque de fruta, porém, extremamente delicado em boca. Vai ficar bem interessante. Boccantino Pinot Nero R$ 27.

Tags: , , , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: