Tintos de verão (Folha de SP)

by

folha

Tintos de verão

Se há uma coisa que eu não consigo explicar no hábito do brasileiro é esta fissura por vinho tinto. Brancos? Não. Já tintos, até no verão, todo mundo toma. Até na Suíça, no inverno, se toma mais branco que aqui.

Então,  para todo mundo que insiste em tomar um tinto no calor, selecionei alguns que funcionarão bem. Pré-requisito: vinhos de estrutura magrinha e bastante refrescância.

E como saber isso antes de comprar se esta informação não está no rótulo?

Para não errar mesmo, Portugal e Itália têm regiões e uvas bem confiáveis. O Dão, quando comecei a estudar vinhos, nos anos 90, produzia um vinho mais elegante. Hoje, alguns produtores optaram por fazer vinhos de corpo mais pesado.

Provei um que me lembrou o jeitão mais clássico. Numa versão mais simples, claro, mas bem naquele estilo. O que mais me surpreendeu é que ele ficou gostoso recém-tirado da geladeira e tomado na beira da piscina!

No Alentejo, por causa do calor no verão, os vinhos são alcoólicos. Mas o meu escolhido é feito pela José Maria da Fonseca, casa tradicional que preza pela elegância e o vinho deles reflete bem esse aspecto.

Já na Itália, digamos que a nebbiolo não é exatamente conhecida pela delicadeza – afinal ela é a uva do Barolo. Mas, mais ao norte, em alguns lugarezinhos de clima frio temos uma boa fonte de vinhos delicados e frutados, como é o caso da Valtellina.

A sangiovese na toscana é sempre um charme: varia de notas florais até as frutas vermelhas bem frescas. Se um produtor decide fazer um estilo que explore isso, o sucesso no verão está garantido.

Quinta da Garrida Reserva 2009
Origem Dão (Portugal)
Lembra cereja fresca e um toquezinho amargo de chá no final mas é, sobretudo, extremamente refrescante e pode ser tomado frio.
Qanto R$ 45,00
Onde Santa Luzia  (tel. 0/XX/11/3897-5000)

Rainoldi 2010
Origem Rosso di Valtellina (Itália)
Notas de framboesa e ervas frescas. Um toque de acidez e tanino a mais. Fica bom com salaminho.
Quanto R$ 75,00
Onde Vínica (tel. 0/XX/11/4221-9107)

Inarno Sangiovese 2012
Onde Toscana (Itália)
Sutil, lembra flores secas e frutinhas. Na boca, parece que mordemos uma cereja geladinha, com acidez e frescor.
Quanto R$ 60,00
Onde Cellar (tel. 0/XX/11/5531.2419)

Montado 2011
Origem Alentejo (Portugal)
Aroma bem discreto de groselha. Simples, agradável e extremamente referescante.
Quanto R$ 27,90
Onde Pão de Açucar (tel. 0/XX/11/3088-6868)

 

Tags: , , , , ,

2 Respostas to “Tintos de verão (Folha de SP)”

  1. Fábio Says:

    Como sempre, ótimas dicas da mestra Alexandra Corvo!!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: