Os vinhos do Douro (Folha de SP)

by

folha

Os vinhos do Douro

Não vou falar dos famosos vinhos do Porto. Vou falar dos tintos do Douro. São produzidos na mesma zona demarcada, mas são vinhos secos. Muitas vezes, provêm das mesmas vinhas, mas são vinificados como tintos normais.

Tudo no Douro é exagerado. No bom sentido. A longa história da região, as vinhas penduradas em encostas íngremes e a paisagem de tirar o fôlego.

Da história: ela é uma das primeiras regiões demarcadas de que se tem registro, em 1756. Chianti, na Itália, já havia sido demarcada em 1716, mas não contou com a legislação e o controle rígidos de produção que se deu na região do Douro.

As vinhas. Além de se debruçarem em encostas muito íngremes, ainda têm pouco a que enroscar suas raízes: o solo do Douro é puro xisto, uma pedra escura, de aspecto lascado, que não retém água e precisa ser dinamitada para plantar novos vinhedos.

Esse tipo de solo absorve o calor do sol e o reflete de volta para as uvas, fazendo com que fiquem supermaduras, cheias de açúcar e de matéria colorante. Fora do xisto, algumas aflorações de granito, geralmente no alto, são mais frescas e ideais para o Douro branco.

A paisagem… Difícil para uma sommelière como eu, que não domina a arte da grande escrita, descrever o ambiente. Lembro-me de estar num hotel em Pinhão, perto do rio Douro, olhar pela pequena janela e ter a sensação de que um tsunami de vinhas subia por todas as construções, dando a dimensão de como somos pequenos e de como é grande essa região produtora de vinhos florais e perfumados. Exageradamente saborosos.

COLHEITA DUORUM 2010
Fruta delicada, notas de violetas. Menos corpulento, com cerejas frescas e final delicado
QUANTO R$ 58,89
ONDE Casa Flora (tel. 0/xx/11/2842-5199)

CLUB DES SOMMELIERS DOC DOURO 2009
Notas de cravo, canela e frutas vermelhas. Leve, curto, mas com boa concentração
QUANTO R$ 35,48
ONDE Pão de Açúcar (tel. 0800-7732-732)

ASSOBIO 2009
Elegante, com notas de tabaco, ameixas e cerejas compotadas. Fresco e frutadíssimo em boca
QUANTO R$ 54
ONDE Qualimpor (tel. 0/xx/11/5181-4492)

QUINTA DO CRASTO DOURO TINTO 2011
Estilo moderno, com muita madeira e frutas negras. Boca rica e alcoólica
QUANTO R$ 52,80
ONDE Qualimpor (tel. 0/xx/11/5181-4492)

Tags: , , , ,

Uma resposta to “Os vinhos do Douro (Folha de SP)”

  1. Alexandre Abreu Says:

    Sou apaixonado por essa região…ainda vou conhecer esta região e ainda fazer a Meia Maratona do Douro ai é unir o util com o agradabilíssimo…
    Bom post!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: